Início :: Novidades :: Novidades :: Site vai indenizar clientes que encontrarem voo mais barato na internet

Site vai indenizar clientes que encontrarem voo mais barato na internet

A empresa EasyVoyage anunciou nesta terça-feira (7) que indenizará os clientes que encontrarem em outras páginas da internet um preço inferior aos mesmos voos oferecidos pelo portal que compara valores.

Em tempos em que o Google lança uma ofensiva no setor de turismo, a EasyVoyage se comprometeu a devolver a diferença de preço - até um máximo de € 150 - aos internautas que encontraram em outro portal o mesmo voo mais barato, sempre quando a passagem seja exatamente equivalente.

Assim, terá que se tratar do mesmo aeroporto, data, destino, escalas, companhia, tipo de tarifa e com "todos os gastos incluídos" (impostos, taxas de pagamento com cartão ou bagagem). Além disso, o internauta terá que ser membro do "Clube EasyVoyage", em que são comentadas as respectivas experiências.

Finalmente, o internauta terá que realizar seu pedido de reembolso depois de, no máximo, 48 horas da reserva final do voo e ao menos três dias antes da saída. Neste caso, a empresa promete realizar o reembolso em até 48 horas.

"É uma aposta importante para nós", declarou à AFP o presidente da EasyVoyage, Jean-Pierre Nadir. "A ideia é que um comparador de voos não possa deixar de assumir as consequências financeiras de uma má informação", acrescentou.

Fundado em 2011, o site EasyVoyage opera na França, Itália, Reino Unido e Alemanha e afirma ser o líder europeu da "infomediação", com mais de seis milhões de visitantes mensais.

O portal oferece um comparador de preços de voos, hotéis, excursões, assim como conselhos para viagens, artigos sobre destinos e outros assuntos turísticos.

Fonte: FOLHA DE SÃO PAULO